29 de maio de 2011

Finito.


« não podes apagar o passado. o passado existe. »
raio do passado.

Sem comentários: