15 de outubro de 2011

parece que escolhes o dia em que estou mais feliz para me lembrares que nada mudou. continuas estúpido como te conheci.








*minha autoria

Sem comentários: