9 de novembro de 2011

óh perfeito $:

És tão perfeito.
A sério, o teu sorriso, a tua personalidade, a maneira como andas, como falas, como és ... e claro, não vamos esquecer o teu ódio pela Hello Kitty. Sempre que passas, dou por mim a olhar, a apreciar, a desejar. Mas depois penso: «és mesmo tarada pá, urgh. és uma croma do carago, ele é perfeito, pára de pensar nele!». Por favor, pára de ser tão querido, tão perfeito, está bem? Senão, tudo será mais difícil $: Quero passar tempo contigo, quero rir, quero chorar, quero sentir-me feliz! Estou cada vez a gostar mais de ti, no entanto, tu mal sabes o meu nome.
Estou tão sexualmente frustrada, juro-vos. urgh.

Sem comentários: